Translate

quarta-feira, 4 de julho de 2012

poeta


segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Vazio

Vazio

Agora compreendo o que está me deixando com esta sensação de vazio.
Enquanto minha boca fala o que meu coração não sente,
Sofro com esta ansiedade de amor que domina meu peito.
Tenho vontade de dizer que te amo,
Mas meu orgulho de mulher ferida por uma paixão não correspondida fala mais alto.
No entanto nunca tive horas tão pesada de tédio e angustia como agora longe de ti.
Não sei quando vai renascer aquela alegria de quando você estava ao meu lado.
E agora extinta dos meus dias, e as noites que se tornaram vazia.
Estou pensando de quando o vi pela primeira vez,
 e como foi crescendo esta afeição, este amor
que parecia uma imensidão, de não caber dentro de um só coração.
E assim decidimos dividir este amor.
Um amor que parecia tão grande
Sendo desfeito por orgulho de nenhum dos dois querer voltar atrás.
Não sei até quando meu coração pode agüentar.
Mas saiba, que se um dia perceberes que morri.
Deixarei escrito nas estrelas, 
o amor imenso que por ti senti.

ARQUIVO