Translate

segunda-feira, 8 de junho de 2009

SEM AVISO PRÉVIO


SEM AVISO PRÉVIO
Ducarmo de Assis
No inicio foi incerto confuso
Não imaginava o quanto seria o impacto da minha dor,
Com sua partida.
Nossas almas estão ligadas e uma despedida agora poderá fragmentar-las
É difícil dizer adeus enquanto minha vontade é ficar e te esperar.
Um grande vazio se instalou dentro de mim...
Não quero este adeus que me invade a alma.
Foi um momento importuno e ágora!
Peço-te que atenue a minha falta.
É tua culpa!
Inteiramente tua culpa que me fizer-te amá-lo tanto assim
E agora! se despedi sem aviso prévio?
Volta! Volta para mim.

ARQUIVO